Questão de tempo… e como lidar com ele

Sábio, Guimarães Rosa…
Aqui vão algumas dicas de florais e óleos essencias para quando a gente insiste em “brigar” com o tempo:

Florais Compostos Joel Aleixo:

Inquietação: para a ansiedade, principalmente quando se manifesta na compulsão por alimentos.

Calma: inquietação, agitação, insônia.

Fluidez: mente que remóe e não consegue sair do lugar, para a fluidez dos pensamentos.

Florais de Bach: Impatiens (impaciência), White Chestnut (mente agitada), Cherry Plum (descontrole, “explosões”).

Florais do Bush Australiano: Crowea (equilíbrio emocional, ansiedade x calma, tensão), Black Eyed Susan (impaciência, fazer 300 coisas de uma vez).

Aromaterapia: Bergamota (ansiedade), Cedro (centramento, acalma), Lavanda (relaxante), Laranja Doce (equilíbrio emocional), Olíbano (confiança e fé), e todos os outros que relaxam e acalmam,  mente e  corpo 😉

Essa é uma pequena amostra do que o mundo dos Florais e da Aromaterapia podem fazer. Consulte um terapeuta para um tratamento mais direcionado a sua história e às suas questões específicas. Vale a pena!
Foto: Sílvia Kalvon

 

Crianças “agitadas”

No último post escrevi sobre o floral de Bach Impatiens, que em desequiíbrio demontram impaciência, não se aceitam o ritmo dos outros e ficam agitadas.

Algumas crianças também sofrem com essas características fazem tudo com rapidez, buscam acertar sempre na primeira tentativa e ficam tristes quando não conseguem, se irritam se outras crianças a atrapalham, tem muita dificuldade em saber esperar, o raciocínio é rápido, na escola é sempre a primeira criança a responder e se inquieta até conseguir. Assim como os adultos, pela inquietação acabam se isolando.

Quando bebês, são agitados e se irritam com facilidade, o sono é entrecortado e se mexem muito à noite.

A agitação também é característica do floral Vervain, mas o excesso de energia vem da empolgação, do entusiasmo e não da impaciência. A crianças “empolgadas” são muito sociáveis, ficam sentidas diante de injustiças, mas também sofrem por frustrações, por terem dificuldades de se centrar em uma atividade e pelo excesso de tensão.

Foto: John Evans/sxc.hu

Impatiens: impaciência

Impatiens (Impatiens glandulifera) foi o segundo floral descoberto pelo Dr. Bach, entre 1928 e 1930, no País de Gales.

Este floral é ligado ao elemento Fogo, de ação transformadora intensa, recomendado para as pessoas impacientes que necessitam do equilíbrio através da paciência e da compaixão.

São pessoas inteligentes e ativas, mas que possuem uma tensão interna exagerada, não conseguem lidar com o ímpeto, desviando a energia criantiva.

O mau uso da energia criativa, surge da desconexão com o mundo interno, consequentemente não conseguem aceitar o ritmo do outro, preferindo fazer as coisas sozinha pois assim acontecem no tempo desejado.

Se não respeitamos a individualidade e o ritmo do outro, corremos o risco de ficarmos sozinhos, por isso este floral faz parte do grupo da Solidão.

O “tipo” Impatiens demonstra claramente a impaciência, podando a iniciativa dos outros, ou através de gestos: a perna que não pára de balançar, o tamborilar dos dedos na mesa, é muito difícil parar quieto.

O equilíbrio interno, suaviza o ritmo, aceitando os momentos de agir e os momentos em que temos que esperar, a paciência e, consequentemente, a  perseverança são desenvolvidas.

Por isso é difícil o Impatiens se adaptar ao floral, além do  “agravamento” da inquietação, em alguns casos, o que é chamado de “crise de cura” (quando um sintoma se agrava para depois entrar em harmonia), certas pessoas tem dificuldade em diminuir o ritmo. Neste caso é importante dar suporte, ou mesmo iniciar com outros florais que trabalhem a base.

Este floral é ligado à Marte, o guerreiro e ao signo de Áries, observa-se pessoas com muita energia (nem sempre bem direcionada) e com força de luta.

Problemas de saúde relacionados ao Impatiens: excesso de calor (suor excessivo, calores da menopausa), dores de cabeça (enxaquecas), insônia, distúrbios digestivos (azia, gastrite, úlcera), pele (psoríase, dermatite crônica), acidentes causados pela impulsividade, gagueira.

Atenção: todos os sintomas citados aqui podem surgir em pessoas que sofrem com as questões colocadas aqui mas não são exclusivas do “perfil” Impatiens, são expressões do corpo que sofre com o desequilíbrio. Lembre-se: “trate o doente e não a doença” Dr. Bach.

O tratamento Floral não dispensa o tratamento convencional.

Foto: wikipedia