Floral de Bach: Mimulus

Mimulus (Mimulus guttatus) é o Floral de Bach recomendado para medos “conhecidos”, aqueles medos mundanos que atrapalham no dia a dia: cachorro, falar em público, barata, dirigir, água, ladrão, de ficar doente (bom para os hipocondríacos também!), ir para escola, dentista, de se expor (timidez) e por aí vai… 

Foi o primeiro floral descoberto pelo Dr. Bach, no País de Gales no verão de 1928, é preparado pelo método solar, trabalha com as qualidades de harmonia, confiança e coragem. Providencial para o momento! Pois Dr. Bach estava “deixando” a vida de médico homeopata e indo em busca de um método de tratamento de fácil acesso a todos.

O medo é naturalmente uma forma de proteção, mas fora de um contexto de perigo real, impede o desenvolvimento, pois é preciso coragem para vencer as próprias limitações. O medo encerra a pessoa em um mundo particular, é egoísta, impede que se compartilhe com a vida.

Dra. Carmem Monari, em seu livro “Participando da Vida com os Florais de Bach” (Ed.Roca) afirma: “Mimulus inicia o eu no seu trabalho de herói e dá a coragem inicial para ele começar o seu trabalho interior. O herói é aquele que tem a proteção dos deuses, ele aprendeu a ouvir a voz do Eu Superior. Todo herói tem as etapas a cumprir, que são os trabalhos sobre si mesmo”.

Floral bom para os tímidos pois fortalece a coragem para ser você mesmo. Muitas vezes os tímidos precisam de apoio de outros florais, como por exemplo o Rock Water, quando se trata de uma pessoa muito exigente, rígida.

O medo pode atingir os pensamentos tornando-os restritos e obsessivos, os rins e o coração.

No caso do medo ser acompanhado de sintomas de pânico (taquicardia, sudorese, tremor) a melhor indicação pode ser o Rock Rose, se o medo for  “desconhecido” opte pelo floral Aspen.

Foto: iStock